Está procurando por algo?

Carregando...

30 de mar de 2011

Relatório da Ponte de Macarrão


1>Objetivo do Trabalho:
Montar uma ponte de macarrão com objetivo de fazê-la suportar o máximo de massa que conseguir.


2>Descrever os Materiais Utilizados na construção da ponte. (Todos os Materiais)
20 filetes de macarrão cortados ao meio, um copo de café, cola equivalente ao fundo do copo de café, saliva, dois leques, duas lixas de unha, dois pincéis, uma pinça e uma régua de 30 cm.


3>Descreva em 8 passos a construção da ponte.

1º passo: Pegue cola branca e 20 filetes de macarrão do tipo espaguete número 8 e parta ao meio, obtendo assim 40 filetes.

2º passo: Desenhe a ponte que vai construir, para se basear e não perder tempo.
3º passo: Comece fazendo a base da ponte, cole 3 filetes de macarrão, unindo-os, repita o passo 3 vezes, formando assim 4 partes de 3 filetes cada.



3.1.Cole 2 filetes, depois parta ao meio, faça isso novamente e obtenha 4 pedacinhos.



3.2. Pegue 2 partes da base e una usando uma pedaço de 2 filetinhos em cima e outro embaixo, repita o passo com a outra parte da base que restou.

4º passo: Junte mais 2 filetes, 3 vezes, e depois parta cada um ao meio, afim de concluir a base.


4.1. Cole 2 dessas metades, uma em cima da outra, que vão formar o meio da ponte onde se concentrará o peso, se preferir reforce ainda mais.


4.2. Para unir as duas partes da base, coloque o pedaço reforçado no meio e com mais duas metades faça um triângulo apoiado no macarrão do meio, as duas partes que sobraram devem ser colocadas uma de cada lado um pouco distante do triângulo.


5º passo: Agora começaremos a fazer o triângulo que sustentará a ponte, de início cole 2 filetes de macarrão e repita o passo mais 3 vezes até obter 4 partes de 2 filetes cada. *É importante que todas as partes tenham o mesmo tamanho para que o ângulo dos dois triângulos sejam iguais e assim garantir um maior equilíbrio de peso.

   
6º passo: Cole duas partes formando dois triângulos isósceles, um de cada lado, travados pela base.


7º passo: Uma dois triângulos por um pedaçinho de dois filetinhos.

8º passo: Faça uma haste de cada lado para segurar os triângulos, mas meça com cuidado para que fique bem reto.

DICA : Se sobrar macarrão procure reforçar a base, use menos cola possível, por isso una os macarrões com saliva, faça tudo devagar e se possível meça tudo para que sua ponte agüente bastante peso.


4>Desenhe ou fotografe o projeto final de sua ponte de forma detalhada. Indique as dimensões de todas as partes.




5> Faça um histórico dos projetos desenvolvidos pelo seu grupo. Caso você já venha descrevendo no Blog cada projeto não precisa realizar esta etapa.
Os projetos desenvolvidos são encontrados ao longo do blog no marcador “Ponte de Macarrão”.


6> Qual a ponte mais importante de Taubaté? Justifique sua resposta.
(Como os integrantes do grupo moram em Tremembé, iremos fazer sobre a ponte mais importante desta mesma cidade)
 A ponte mais importante de Tremembé é a Ponte do Rio Paraíba, que dá acesso de Tremembé à outras cidades como, por exemplo, Campos do Jordão, São Bento do Sapucaí, Rio Verde, Passo Grande, Sul de Minas, entre muitas outras. Se tivéssemos que acessar um desses lugares, e não existisse a ponte, teríamos que dar a volta por Quiririm ou outros caminhos muito mais longos.


7> Faça uma pesquisa: Escolha uma ponte real que de alguma forma marcou época com sua engenharia avançada. Desenhe ou cole uma foto da mesma no espaço abaixo e faça uma breve descrição física dessa ponte.


Ponte estaiada, que se localiza em São Paulo, é um tipo de ponte suspensa por cabos constituída de um ou mais mastros, de onde partem cabos de sustentação para os tabuleiros da ponte.
A ponte estaiada costuma ser a solução intermediária ideal entre uma ponte fixa e uma ponte pênsil em casos onde uma ponte fixa iria requerer uma estrutura de suporte muito maior, enquanto uma pênsil necessitaria maior elaboração de cabos.



8> Características da Ponte.

Massa da ponte = 0,014 kg      
Peso da Ponte = 0,1372 N
Massa Suportada = 0,244 kg
Peso suportado= 2,3912 N
FATOR =17,43



9> Cálculo das forças dos apoios:
0,1372 + 2,3912 = 2,5284
2,5284 / 2 = 1,2642 N
Logo, o valor das forças de apoio é de 1,2642 N.



10> Para determinar o valor das Forças de apoio você utilizou duas condições. Quais são essas condições ? Justifique a utilização das mesmas.
Para determinar o valor das Forças de apoio nós usamos o seguinte conceito: Como o peso é colocado no centro da ponte, nós somamos os pesos e dividimos por dois.


11> O Resultado atingido por sua ponte foi o esperado? Justifique sua resposta.
Não, na realidade esperávamos um fator maior. Ao longo das vezes quando fomos testando as pontes já construídas, elas agüentaram de 400 a 650 g. Mas no dia da competição, a ponte agüentou bem menos do que o esperado.


12> Qual a maior dificuldade do grupo para a construção da ponte? Justifique.
A maior dificuldade do grupo para a construção da ponte foi colar as hastes do triângulo de sustentação, e tentar deixar a base mais firme, para não quebrar tão fácil.


13> Neste local faça citação a pelo menos 5 conceitos físicos utilizados no projeto da ponte. Além da citação explique em que momento o conceito foi utilizado.

Peso: calculado a partir da massa da ponte e da massa suportada pela ponte.
Massa: achamos a massa que a ponte aguentou para dividir pela massa da ponte e achar o fator.
Pressão: exercida pela área da ponte que estava em contato com a mesa.
Gravidade: exercida pela Terra.
Tração: presente no barbante que a ponte está segurando ligado à caixa.


14> Conclusão Final.
 Com a construção da ponte vimos que não é tão simples como pensado construir uma ponte, existem vários fatores a serem analisados e também varias técnicas para melhor firmeza e impedir que ela venha a cair, a sua construção só é possível com um estudo físico das forças, tanto das forças aplicadas nela como as aplicadas por ela.  Entendemos que o real objetivo era construir uma ponte leve e que  fosse capaz de suportar um alto número de massa, assim resultaria um alto fator que logo significaria quantas vezes a ponte aguentaria ela mesma, e percebemos que a ponte em forma de triângulos seria a melhor forma para que isso fosse possível, pois o triângulo tem a função de distribuir a massa.


2 comentários:

  1. otiiimo o unico que realmente me ajudou mmuuuito obrigada'

    ResponderExcluir
  2. merda kkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir

Somos um grupo formado por alunos do 3º ano A do Colégio IDESA de Taubaté, coordenados pelo Professor Maurício (Física), cujos componentes são:
• Camila Duarte, 05
• Caroline de Paula, 06
• Juliana Santos, 17
• Loren Nogaroto, 21

E-mail para contato: grupofisicaidesa@hotmail.com

Facebook do Grupo

Facebook do Grupo
Nos adicione e mantenha-se conectado!